PARADA - Lar, Doce Lar - Meu Berço e meu Refúgio

PARADA - Lar, Doce Lar - Meu Berço e meu Refúgio
A mesma Parada vista por dois olhares

28 de abril de 2010

Divagações do Olhar

GIMONDEGIMONDE - Bragança

CEGONHASPonte em GIMONDE

Cegonhas   Cegonhas

REFLEXOSPonte Romana em FRIEIRA

Manuel Afonso

27 de abril de 2010

ENSAIO EM FORMA DE VÍDEO

Caros amigos;

Tal como havia referido e prometido no post anterior e derivado do facto do mesmo ter saído bastante extenso, venho agora mostrar os vídeos que resultaram da compilação de algumas fotos tiradas nestas mini-férias.

Espero que apreciem e se assim o entenderem dêem a vossa opinião através dos comentários. Obrigado!

FLORES

ALFAIAS AGRÍCOLAS

Manuel Afonso

Um olhar sobre a Parada (Bragança)

Meus caros amigos;

Eis-me regressado de uma semana retemperadora, passada na minha terra natal, onde tive oportunidade de me desintoxicar de todo o stress e poluição proporcionados pela vida citadina.
Como não poderia deixar de ser levei a minha amiga a tiracolo e tive ocasião de fazer algumas "chapas", algumas das quais serviram para efectuar uns pequenos vídeos, os quais seguidamente aqui vos colocarei à disposição.
Entretanto, algumas pessoas, leitores deste blog, apresentaram-me as suas dúvidas em relação à minha Terra Natal - Parada. Confesso que foi intencional o facto de não ter desvendado por completo a sua localização e demais atributos no post anterior.
Vou agora partilhar um pouco mais dessa bela localidade que me viu nascer.
Começa o passeio a sensivelmente 20 kms de Bragança, sede de concelho.
Placas Rodoviárias
Já muito próximos, somos brindados com uma paisagem que nos embriaga de beleza e nos inunda de um sentimento de liberdade extrema que nos faz sentir tão pequenos perante tanta imensidão.
Panorâmica da entrada em Parada
Chego então à minha casa e sou recebido pelo guarda Leão e pela sua filha de 2 anos.
A minha casa
O Guarda Leão Filha do Leão (2 anos)

Após uma breve pausa para descanso e agora sim sem mais comentários, mas com muito sentimento deixo-vos com um pequeno sabor de Parada.
Capela de São Roque
Igreja Matriz
Berrão do Adro
Pedra em forma de porco macho (diz-se que a fêmea é a porca de Murça)
Igreja Matriz - Vista interior
Pode verificar-se a beleza e riqueza do Altar-mor
Pia Baptismal
Aqui foi este vosso amigo Baptizado.
 Capela do Sr. de Santa Cruz Capela da Srª do Carmo Pavilhão Multiusos
 
Espero que tenham ficado, com uma pequena ideia, da beleza que é Parada - Bragança. Visitem-na quando poderem que não ficarão desiludidos.
 
Para identificarem as fotos basta passarem e permanecerem com o rato, alguns segundos, por cima delas.

Um abraço e um Olhar deste vosso
Manuel Afonso

15 de abril de 2010

PARADA – Meu berço

Caros amigos e seguidores hoje acordei com vontade de vos dar a conhecer a terra que me viu nascer, prometendo-vos uma surpresa para os tempos mais próximos.

Como vos ia dizendo, aqui o vosso amigo é natural da freguesia que agora passo a descrever sucintamente:

Área: 36,152 Km2

Distância à sede de concelho: 20 Kms

Anexas: Paredes

Actividades económicas: Agricultura e pecuária, olivicultura, construção civil, carpintaria e marcenaria, panificação, pequeno comércio e serviços.

Festas e Romarias: Santa Cruz (3 de Maio), S. Lourenço (10 de Agosto), N. Sra do Carmo (15 de Agosto), Santo Estêvão (26 de Dezembro), S. Roque (16 de Agosto) e S. Genésio (17 de Agosto).

Património: Igreja matriz, Igreja Paroquial de Paredes, capelas de S. Lourenço, de S. Roque, da Sra. do Carmo, do Senhor de Santa Cruz, de Santo Amaro e da Senhora das Candeias, pontes e fontes tipo mergulho.

Outros Locais: Rio Sabor, ponte romana, zona de lazer e paisagem natural.

Gastronomia: Fumeiro (derivados da matança do porco), Botelo com Cascas e o Folar da Páscoa.

Artesanato: Ferraria e tecelagem, calçado, tamancaria e alfaiataria.

Colectividades: Grupo Desportivo de Parada, Associação Desportiva de Paredes e Associação de Caçadores de Parada e fábrica da Igreja de São Genésio.

Orago: S. Genésio.

Feiras: Mensal (dia 11 — Feira Franca).

Tradições: Festa dos Homens Bons ou dos Rapazes, festa do Ramo, festa do Carro, festa da Rosca e da Galhofa, cantar dos Reis, Entrudo e a serra das velhas.

Jogos tradicionais: jogo do Fito e da Raiola.

Dito isto hoje brindo-vos com duas fotos da minha terra

Anoitecer visto da janela de minha casa

DSC_0174

 O horizonte da minha casa, voltado para o Santuário de S. BartolomeuDSC_0172

 Manuel Afonso

14 de abril de 2010

Um Olhar sobre a Rinchoa

 DSC_0094   DSC_0233

DSC_0097    DSC_0235

Manuel Afonso